UOL

Coluna da Xuxa

Xuxa revela sua primeira (de muitas) história ao lado de Luiza Brunet

"Lulu acordou assustada e xingou todo mundo, mandou que saíssem de lá"

Por Xuxa Meneghel

Entre as várias histórias que marcaram a minha vida, algumas engraçadas e outras nem tanto, a amizade com a Luiza Brunet tem bastante destaque. Lulu, como a chamo, é uma pessoa muito engraçada e linda. Para falar sobre nós, voltarei no tempo até os anos 1980. Na época, eu tinha 18 anos e ela, 19. Mesmo sendo apenas um ano mais velha, Luiza acreditava que deveria cuidar de mim. Ela sempre foi muito protetora e adorava me defender. Naquele tempo, as modelos se juntavam em “panelinhas”, formavam um grupo fechado de amigas e ninguém mais podia fazer parte dele, principalmente duas “cheinhas”. Sim, era dessa maneira que todos nos viam, pois vivíamos a era da Tuiggy, uma modelo americana magraaaaa… Já eu e a Luiza começamos com tudo em cima: tínhamos peito, bunda, coxas, enchíamos sutiãs e roupas de banho. Nós fazíamos todas as campanhas publicitárias e éramos convidadas para participar de desfiles internos das grifes realizados só para os clientes comprarem peças.


Xuxa e Luiza revivem os tempos de modelo em ensaio que remete à década de 1980 (Foto: Blad Meneghel)

Em consequência de tanto trabalho, faturávamos alto. Era muito dinheiro para uma menina nascida no interior do sul do Brasil e criada no subúrbio do Rio de Janeiro. Éramos simplesmente as únicas com esse estilo e shape. Shape esse que não nos deixava feliz. Queríamos muito emagrecer. Mas quem disse que conseguíamos? Tentávamos, mas não muito (risos). O problema? Gostávamos do café da manhã dos hotéis. Acordávamos cedo para comer um tal de café completo que incluía tudo o que tínhamos (e não tínhamos!) direito. De verdade, nós comíamos muitooooooo! E acreditávamos que estávamos fazendo regime, que era apenas chá ou café. Porém, tudo regado a pão, biscoito… Sério, gente, queríamos emagrecer, mas era difícil. Imaginem nós duas sozinhas nesses hotéis pelo Brasil afora? Sentíamos muita vontade de comer e… comíamos! Moral da história: ficávamos ainda com mais bumbum, mais peito... Um dia, fomos contratadas para uma sessão de fotos no Nordeste. Já na cidade, acordamos cedo para tomar o tal café do hotel. Em seguida, nos dirigimos à praia para pegar sol. Como não podíamos ter marca de biquíni por causa do trabalho, fazíamos top less, mas deitadas de barriga para baixo. Nosso objetivo era ficar lá até dar o horário da sessão fotográfica. No entanto, nós dormimos! Acordamos algum tempo depois com um zum, zum, zum. Era um time de futebol que passava por aquele local para jogar ali por perto. Eles pararam e ficaram olhando, olhando… Despertamos com a voz de 22 homens rindo em volta da gente, sentados na areia. Ainda bem que não existia celular naquela época! Lulu acordou assustada e começou a xingar todos eles, mandava saírem dali, pedia para deixarem a gente em paz. Por me proteger como se fosse a minha irmã mais velha, ficou arrasada com a situação. A caminho do hotel, comecei a gargalhar e ela falou: “Está rindo de nervosa, né? Porque não tem graça!”. Aí, eu ria mais ainda ao ver que a minha linda amiga e protetora, que queria só cuidar de mim, mal sabia que aqueles homens todos, sem exceção nenhuma, ficaram loucos com suas curvas e beleza. 
Espero que tenham gostado da minha primeira de muitas histórias com a Lulu. Ainda contarei para vocês sobre a vez em que resolvi criar uma sauna no banheiro ligando o chuveiro com água fervendo. O episódio acabou em fogo! 


Elas mostram que a amizade e a beleza resistiram aos anos (Foto: Cadu Pilotto)

07/07/2017 - 16:57

Sugestões Especiais

Mais Notícias de Coluna da Xuxa

Notícias em Destaque

Útimas Notícias